Motivos para utilizar keywords amplas no Google AdWords - Raffcom Agência Full Service
 Google AdWords: Motivos para utilizar keywords amplas novamente

Google AdWords: Motivos para utilizar keywords amplas novamente

O Google AdWords é uma das ferramentas de marketing digital que mais possuem conteúdos de aprendizado e dicas para utilizá-lo da melhor maneira, devido a sua vasta biblioteca que se encontra disponível gratuitamente.

Com isso, muitos usuários buscam esses conteúdos antes de iniciarem suas campanhas ou ao começarem a estudar sobre a ferramenta. Dessa forma, como tudo tem sempre um lado negativo, a quantidade de manuais de boas práticas acessíveis tornou a compra de keywords algo repetitivo por boa parte dos anunciantes.

Anos atrás, muito se falava que utilizar palavras-chave amplas era sinônimo de ter uma conta não otimizada. Porém, com a tendência de cada vez mais usar keywords exatas, de frase ou modificadas, só porque consta nos manuais, acabou saturando o mercado de palavras-chave. Sendo assim, irei apresentar algumas razões para você voltar a aplicar o uso de keywords amplas em suas contas.

O consumidor dificilmente busca sempre da mesma forma

google-adwords-motivos-utilizar-keywords-amplas-consumidor-dificilmente-busca-mesma-forma

Ao utilizar palavras-chave exatas ou de frase, você acaba fechando a possibilidade de “aprender” novas keywords que podem estar com um aumento no volume de buscas. Sendo que aproximadamente 15% das palavras-chave buscadas diariamente nunca foram vistas anteriormente, ao usar a correspondência ampla, sua campanha estará aberta para capturar essas buscas.

O custo por clique (CPC) provavelmente irá diminuir

google-adwords-motivos-utilizar-keywords-amplas-cpc-diminuir

A lógica é simples, keywords exatas e de frase possuem menos competidores, porém o bid desses competidores é geralmente alto para ganhar posições com esses termos. Já a correspondência ampla é ao contrário, você se abre a participar de mais leilões que consequentemente aumenta a quantidade de tráfego disponível, diminuindo assim o seu CPC.

Você está seguindo as tendências da própria Google

google-adwords-motivos-utilizar-keywords-seguindo-tendencias-google

Campanhas do tipo DSA (Dynamic Search Ads) e de Shopping, estão constantemente gerando cada vez mais lucro para os anunciantes e aumentado a performance da conta. Se pensarmos que esses tipos de campanhas não possuem nenhum tipo de correspondência de palavra-chave, pois os resultados são apresentados dinamicamente, fica claro que o Google está deixando um pouco de lado a questão de correspondência de keywords. Será que não é devido ao uso exagerado de palavras-chave exatas?

Foco no mobile

google-adwords-motivos-utilizar-keywords-foco-mobile

De acordo com a publicação que o Google fez esse ano, ao informar que sites responsivos terão melhores posições no ranking dos resultados de pesquisa, é evidente a obrigação de ter websites otimizados para o mobile. Seguindo na mesma linha, o comportamento de busca em smartphones e tablets é diferente do desktop, e com isso, existe a possibilidade das buscas realizadas por comando de voz nos smartphones aumentarem ao longo dos anos. Desse modo, irá crescer o uso de keywords long tail. Ao utilizar a correspondência ampla, você estará suscetível a alcançar esses usuários, já do modo contrário, dificilmente conseguirá atingi-los.

Espero que esses motivos façam você voltar a utilizar esse tipo de correspondência em suas campanhas, que já estava sendo deixada de lado. Mas lembre-se: faça o acompanhamento de perto no relatório de termos de pesquisa frequentemente, pois podem surgir vários termos irrelevantes que você pode ir negativando com o tempo.

Um abraço e até mais!

Fontes

Search Engine Land – Because My Crystal Ball Is Broken And Other Reasons To Bring Broad Match Back In 2015

CNET – Google Search scratches its brain 500 million times a day

Search Engine Watch – The Rise of Voice Search and Something You Can Do About It

Cadastre seu e-mail
I agree to have my personal information transfered to MailChimp ( more information )
Coloque o seu e-mail ao lado para receber as atualizações do blog!
Fique tranquilo, pois nós também odiamos spam. Seu endereço de e-mail não será vendido ou compartilhado.
Marco Auréio Nasquewitz Analista de Links Patrocinados

Marco Aurélio Nasguewitz

Analista de Links Patrocinados

blog@raffcom.com.br

Continue lendo

Os principais fatores de ranqueamento para o algoritmo do Google em 2015

De dois em dois anos a empresa Moz compila a opinião de vários dos principais profissionais de SEO do mundo sobre quais são os fatores de ranqueamento que possuem maior influência positiva ou negativa nas páginas de resultados do Google. Além de ter realizada a pesquisa, a equipe de Data Science da Moz liderada pelo Dr. […]

Como ativar o Remarketing de Pesquisa em suas campanhas de Search

Para aproveitar o máximo potencial de suas Campanhas de Search, a sugestão do post de hoje é ativar o Remarketing de Pesquisa. Mas, antes de aprender a maneira correta de fazer isso, vamos recapitular o que é Remarketing? O que é Remarketing? Segundo a Academia do Marketing Digital, o remarketing nada mais é que uma […]

O que um profissional de Business Intelligence faz?

Mesmo depois de entender o que é o Business Intelligence, também chamado de BI, as pessoas ainda têm muitas dúvidas sobre como é a carreira de um profissional que atua nessa área. Questionamentos como “Quais são as atividades diárias de um BI?” ou “Qual formação acadêmica eu preciso ter para trabalhar nessa área?” são normais […]