Social Ads para e-commerce: Será que funciona? - Blog Raffcom
 Social Ads para e-commerce: Será que funciona?

Social Ads para e-commerce: Será que funciona?

Acompanhando os posts anteriores de Social Ads no nosso blog, você pôde absorver muito conhecimento sobre as principais vantagens de anunciar em redes sociais, além de dicas práticas para otimização de anúncios e um passo a passo bem detalhado para criar suas campanhas no Facebook. Agora, chegou a vez de provar a efetividade das campanhas de Social Ads para e-commerce.

E aí, será que vale a pena?
Antes que você precise percorrer um longo caminho até chegar à resposta, saiba que a solução é um sonoro SIM!

Porém, de nada adianta sair do blog agora com esta simples resposta, não é mesmo?! Então, fique numa posição confortável que, neste post, vamos demonstrar como é possível alcançar o sucesso do e-commerce com os anúncios em redes sociais.

Vantagens das campanhas de Social Ads

vantagens-social-ads-para-e-commerce

Primeiro, é necessário saber que as campanhas de Social Ads oferecem aos comerciantes opções únicas para uma estratégia de sucesso. Dentre elas, podemos citar a segmentação avançada, o monitoramento confiável de conversões e um enorme engajamento com o público em geral, além de servir como uma gigantesca vitrine virtual.

Esta última advém do fato de que, juntas, as principais redes sociais somam quase 3 bilhões de contas no mundo, segundo dados do Statista. Além disso, cada usuário passa, em média, cerca de 90 minutos do seu dia conectado a essas redes.

Por permitir uma enorme gama de segmentações baseadas em hábitos e comportamentos, de acordo com o histórico dos usuários nas redes sociais, o Social Ads torna-se muito mais efetivo. Com isso, é possível ser extremamente específico e focado no público-alvo impactando “Mulheres solteiras, entre 25 e 34 anos, em um relacionamento sério interessadas em gravidez”, por exemplo.

Principais redes sociais para impulsionar o seu e-commerce

A mídia considerada mais eficaz para seus esforços de marketing depende muito do seu público-alvo e do tipo de serviço que a sua empresa produz. Sendo assim, cada rede social apresenta características singulares para que você atinja maiores vendas de acordo com o segmento do seu negócio.

A seguir, vamos apresentar as principais redes sociais para impulsionar o seu e-commerce, além de dicas para aproveitar ao máximo o poder de cada uma.

Twitter

twitter-social-ads-para-e-commerce

Através do Twitter, é possível aumentar suas vendas impactando usuários que falam sobre sua empresa, recomendam seus produtos ou serviços, compartilham suas atualizações com as próprias comunidades ou que comentam assuntos sobre o seu nicho de mercado.

Atualmente, a rede social conta com cerca de 319 milhões de usuários ativos por mês e sua maior característica é a interação acerca dos assuntos mais comentados no mundo, no momento que eles acontecem.

O Twitter proporciona muitas segmentações para atingir seu público-alvo e, entre as mais eficazes para utilizar em uma campanha de e-commerce, podemos citar:

Palavras-chave

A sensação de imediatismo que o Twitter transmite, apoia muito na tomada de decisão do usuário. Nele é possível alcançar um usuário através das palavras-chave utilizadas nos tweets. Desta maneira, a marca consegue impactar desde usuários que já a conhecem até os que nunca ouviram falar dela, mas que expressam interesse com relação a solução que você oferece.

Se você possui um e-commerce de calçados, pode impactar usuários que tweetam sobre academia, corrida, esportes e marcas que você comercializa, ou ainda, negativar algumas palavras, como tênis infantil e tênis de bebê, por exemplo.

Usuários semelhantes a qualquer conta

A segmentação de @nomesdeusuário permite alcançar usuários com interesses parecidos aos dos seguidores de qualquer outra conta definida. Por exemplo, com o objetivo de segmentar seu anúncio para os usuários com perfis semelhantes ao nosso, insira @Raffcom.

Segmentação por Eventos

Na segmentação por eventos é possível segmentar o anúncio de acordo com datas e eventos comemorativos. Com isso, você pode aproveitar o dia dos namorados para oferecer as roupas da sua loja aos usuários que interagem com esta data. Ou ainda, oferecer bonecos colecionáveis para usuários interessados na Comic Con Experience, por exemplo.

Para mais insights de datas e eventos comemorativos, vale a pena conferir esta lista elaborada pela Inteligência do Twitter. Você só precisa estar logado para acessar.

Instagram e Facebook

instagram-social-ads-para-e-commerce

O Instagram cresceu muito nos últimos dois anos e, hoje, conta com 600 milhões de usuários ativos mensalmente. O Facebook, por sua vez, conta com expressivos 1,9 bilhões de usuários.

Como as duas redes sociais fazem parte da mesma empresa, ambas podem ser configuradas facilmente pela mesma plataforma de anúncios, o Business Manager. No entanto, no momento de anunciar, é preciso levar em conta algumas peculiaridades.

Primeiro, o comportamento dos usuários pode variar muito de um para outro. Além disso, cada uma das duas redes sociais possui atributos ímpares.

O Instagram, por exemplo, é caracterizado pelo forte uso de imagens e textos com menor impacto. Isso porque, na maioria das vezes, os usuários desta rede encontram-se em constante movimento.

O Facebook, por sua vez, conta com usuários que possuem um pouco mais de tempo. Com isso, além de acompanharem as publicações de seus amigos e marcas, eles também acessam a plataforma para encontrar conteúdos informativos e divertidos.

No post sobre anúncios do Facebook, comentamos sobre todos os objetivos que o Business Manager apresenta. Neste caso, porém, vamos focar em dois especiais: o objetivo de Conversão e o Catálogo de produtos.

facebook-social-ads-para-e-commerce

Anúncio de conversão

O anúncio de conversão atua com o pixel de conversão ou um evento, instalados na sua conta. Depois de definir as características do seu público-alvo, a plataforma entrega anúncio às pessoas mais propensas a converter.

Se a definição de público estiver muito limitada, a plataforma fornece a possibilidade de expandir o público, a fim de encontrar outros usuários qualificados. Para o sucesso deste objetivo, todos os aspectos de pixel e eventos precisam estar devidamente configurados.

Catálogo de produtos

Já o anúncio de Catálogo de produtos, apesar de também depender da configuração correta do pixel e/ou do evento da rede social, possui como característica principal a entrega de anúncios dinâmicos aos usuários, de acordo com o que ele acessou no site, mas que ainda não comprou.

Isso possibilita a realização de uma estratégia de up selling e de cross selling, ou seja, de acordo com o que o usuário comprou, é possível oferecer um produto mais sofisticado, já que ele pode precisar de algo maior, melhor ou mais rápido no futuro. Também é possível oferecer produtos que se completam para melhorar a experiência de compra.

Para poder configurar este anúncio é necessário preparar um feed de produtos. O feed deve seguir corretamente várias diretrizes em arquivos do tipo: CSV, TSV, RSS XML ou ATOM XML. Neste link você pode obter mais informações sobre como configurar o seu feed.

Público com interesses semelhantes à base de contato

Para qualquer objetivo definido no Facebook/Instagram, existe a possibilidade de criar públicos com interesses e comportamentos semelhantes à sua base de contato, como lista de e-mails de clientes, pessoas que acessaram seu site ou que se envolveram com alguma publicação.

Com isso, a marca pode alcançar um público que não a conhece, mas que de acordo com seu comportamento, possui grande interesse nos produtos oferecidos por ela.

Funil de compra

funil-de-compra-social-ads-para-e-commerce

A fim de alavancar as vendas de um e-commerce, todas as redes sociais seguem a máxima de que é preciso conhecer o caminho de compra dos usuários, entender seu comportamento e utilizar estratégias para alcança-los no estágio em que estão presentes.

Ao pensarmos em ações de Social Ads para e-commerce, logo imaginamos campanhas que massificam vendas. O fato é que as estratégias de Social Ads estão intrinsecamente ligadas às demais atividades de uma marca.

Para alguns e-commerces, as estratégias de Social Ads que apresentam os melhores resultados são aquelas capazes de aumentar o desejo do consumidor por um produto.

Sendo assim, o usuário pode converter posteriormente por outro canal, já que ao pesquisar mais sobre aquela marca, teve seu desejo despertado exatamente com o anúncio em alguma rede social.

Quando isso acontece, podemos acompanhar o que chamamos de conversão assistida no Google Analytics. Como você pode ver na imagem a seguir:

conversao-assistida-google-analytics

Em um curto período, podemos ver como a rede social teve impacto na decisão de compra de um usuário. Por vezes, servindo para despertar interesse, em outros momentos, servindo como base de pesquisa para usuários que já conhecem a marca, mas querem confirmar a qualidade do serviço prestado.

Uma estratégia muito utilizada em todas as redes sociais é o uso de remarketing, para atingir usuários que já acessaram seu site, com abordagens mais personalizadas e mais próxima da realização de compra. Esta estratégia é oportuna, já que ao conhecer o consumidor, a empresa consegue facilmente prender a sua atenção com relação às novidades da loja.

Concluindo

O Social Ads possui um poder enorme para aumentar o número de usuários no topo do funil de compra, ou seja, aqueles que estão descobrindo um problema a ser resolvido. Com as estratégias e redes sociais citadas neste post, você certamente conseguirá lapidar estes leads até conquistar a efetivação de uma compra.

Esperamos que a sua curiosidade tenha sido saciada, mas, se ainda houver dúvidas acerca  do Social Ads para e-commerce, sinta-se à vontade para utilizar o campo de comentários abaixo.

Até a próxima!

                  lucas-marchi-analista-social-ads

Lucas Marchi

Analista de Social Ads

blog@raffcom.com.br

Cadastre seu e-mail
I agree to have my personal information transfered to MailChimp ( more information )
Coloque o seu e-mail ao lado para receber as atualizações do blog!
Fique tranquilo, pois nós também odiamos spam. Seu endereço de e-mail não será vendido ou compartilhado.
Continue lendo

Estratégia em redes sociais: você está conversando com seu público-alvo?

Conhecer a fundo o perfil do público-alvo — suas necessidades, desejos e motivações — é primordial para o desenvolvimento de qualquer estratégia em redes sociais de sucesso. No entanto, para muitas empresas, “acertar o tom” da conversa ainda é um grande desafio. Afinal, antes de investir em táticas de venda e apresentação do produto, é […]

Passo a passo: E-mail marketing com o Akna

Existem diversos disparadores disponíveis no mercado internacional e nacional. Aqui na Raffcom, cada e-mail marketing chega ao consumidor através do Akna, uma ferramenta nacional e paga. Isso não significa que ela seja melhor do que outras ferramentas, mas sim a que mais se adequa às nossas necessidades. Para saber qual disparador de e-mail utilizar, procure […]

A experiência de Estágio em uma Agência de Publicidade e Propaganda

A partir do momento que você inicia o ensino superior, você deixa de lado onze anos de matérias da escola e passa a se dedicar ao aprendizado do curso escolhido, com o objetivo de se preparar para a profissão que irá seguir. Logo no início do curso, já sonhamos com o dia da formatura, a conquista […]

5 dicas para criar campanhas no Facebook

Agora que você já sabe o que é Social Ads e entendeu que utilizar estratégias para esse tipo de anúncio é uma ótima opção de investimento, vamos à parte prática: criar campanhas no Facebook, a principal plataforma para anúncios quando se trata de redes sociais. Planejamento para criar campanhas no facebook Um bom planejamento é […]